Total de visualizações de página

Seguidores

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Irauçuba: caladão quase que diariamente nos celulares da TIM e nos fixos da OI.


Moradores de Irauçuba estão passando por uma  rotina não muito agradável: a falta de sinal nos telefones celulares da operadora TIM. E nos telefones fixos da OI, somente neste mês tivemos dois blecautes que duraram mais de 24 horas nos telefones fixos. E no sinal da TIM é diário.

Já entramos em contatos com as duas operadoras e os atendentes informam que o serviço logo será restabelecido. Mas na verdade demora mais. de 12 horas após ser feita uma reclamação para o sinal voltar. Da TIM nem vou falar esta empresa é a pior de todas não tem um dia que o sinal dos celulares não caiam.

A ANATEL que é a instituição responsável pela fiscalização das operadoras de telefonia. Esta é uma verdadeira casa-da-mae-joana. Já fizemos diversas reclamações sobre o serviço telefônico e esta agencia do  federal nunca nos respondeu. Parece que os técnicos da ANATEL estão a  serviço para defender as empresas de telefonia. E prejudicar o consumidor.

Não consigo entender como em um país como o BRASIL as empresas cobram as tarifas telefônicas mais altas do mundo. E prestarem o serviço mais péssimo do planeta. Estas só querem auferir lucros estratosféricos. O governo federal tem que agir e começar aplicar a legislação para punir estas empresas!!!!

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Itapajé: morre menor baleado pela vítima em tentativa de assalto.


      Menor levou dois tiros, foi socorrido a Fortaleza mais não resistiu aos ferimentos vindo a falecer.
Uma tentativa de assalto que ocorreu na noite de sábado dia 21 de fevereiro  por volta das 22h40m próximo ao antigo Jatão perto da Igreja Matriz em Itapajé deixou um jovem baleado gravemente. As informações preliminares são de que a vítima reagiu ao assalto e efetuou dois disparos contra o menor. 
O adolescente foi levado para o hospital municipal e transferido imediatamente para Fortaleza. O jovem identificado por Gabriel Santos Araújo de 16 anos do Bairro Cruzeiro não resistiu à gravidade das lesões e veio a óbito. O adolescente teve duas paradas cardíacas e faleceu no Instituto José Frota (IJF) por volta das 13h30m deste domingo dia 22. Com este já são sete (07) homicídios em Itapajé no ano 2014. O corpo do adolescente só será liberado para sepultamento nesta segunda-feira, dia 23, após a necropsia.

A prática de delitos envolvendo menores em Itapajé, sobretudo assaltos, vem crescendo nos últimos anos. A polícia tem realizado um trabalho de identificação e apreensão, mas, a frouxidão da lei deixa muitas vezes os menores impune e isso faz com que criminosos maiores recrutem adolescentes para a prática de delitos como assaltos e assassinatos na nossa cidade. É lamentável. 


Fonte: Blog do Maikon  Rios

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Irauçuba: prefeitura "desbatiza" prédios públicos por recomendação do MP.

Homenagem prestada ao cantor e repentista irauçubense Luisinho de Irauçuba (um palco ao qual foi denominado o seu nome) deverá  ser retirado por recomendação do MP.

Esta tramitando na Câmara de vereadores projeto de Lei  de autoria do poder executivo municipal que retira o nome de alguns prédios públicos. Estas pessoas que dão nome a estes, ainda se encontram vivos. E no entendimento do MP estadual, fere  o principio da impessoalidade. Que recomendou a prefeitura que retirasse o nome dessas pessoas.

O atual  prefeito Zé Mota falou que não teve outra alternativa  a  não ser acatar a recomendação do MP pois se assim não  fizesse poderia ser responsabilizado. Enviamos o projeto de Lei retirando o nome desses ilustres filhos da terra com um sentimento de perda.

Os prédios foram "batizados" na gestão do ex-prefeito Raimundo Nonato Souza Silva. Este escolheu o nome de pessoas que deram contribuição para elevar o nome da cidade, sem nenhuma conotação política as pessoas que tiveram os nomes excluídas foram.

Antonio Barbosa Braga seu nome foi denominado ao CEPABB (Centro Educacional professor Antonio Barbosa Braga)  Professor, fundador e diretor do Centro Educacional Paulo Bastos, ex- secretário de Educação, escritor. professor Barbosa é um icone da Educação da cidade

Leonete Mota nome dado ao Centro Cultural Leonete Vasconcelos Mota. Esta é mais conhecida na cidade como Tia Cimá.  Poetisa  e grande conhecedora da historia irauçubense. Um justo nome e uma homenagem  e reconhecimento que lhe foi dado ainda em vida.

O terceiro caso dispensa comentários pois foi uma homenagem ao Cantor e poeta Luizinho de Irauçuba o ex-prefeito "batizou" um palco que localiza-se na Praça São Luís com o nome do cantor e poeta irauçubense.

As leis devem ser obedecidas mais também os responsáveis pela sua interpretação não podem tomar decisões sem uma analise minuciosa. A decisão de homenagear as pessoas citadas em nenhum momento teve caráter político. Todos são cidadãos que deram sua contribuição à cidade. É uma  homenagem justa.

Temos conhecimento de cidades em que o MP tomou  a mesma decisão, como é o caso de Sobral. Só que nesta cidade os homenageados eram parentes dos políticos  locais. Este não é o caso  daqui.  Estamos presenciando atitudes bizarras que acontecem nesse estado!!!!
  




sábado, 22 de fevereiro de 2014

Irauçuba: Vereadores aprovam projeto do executivo que reajusta o Piso dos professores municipais.

Esta tabela representa o vencimento básico dos professores que tem uma carga horária de 100 horas aulas, sendo que incide sobre o base uma gratificação de 20% de regência de sala.

Foi votado na sessão de ontem(21) Na Câmara Municipal (22)  projeto de lei de autoria do poder executivo municipal que reajusta o salário dos professores da rede municipal de ensino. 

O reajuste foi da ordem de 8,32%  e segundo comunicado enviado a câmara o salário base dos professores que tem o ensino médio ficará 3% acima do Piso nacional. Sendo que estes ainda recebem 20% de gratificação de regência de sala, portanto um professor deste nível, com 200 horas aula receberá 23% acima do Piso Nacional dos professores.
    
Já os professores  que possuem nível superior com 200 horas aulas o piso municipal será de R$ 2.345,38 o que representa  cerca de 38% acima do piso nacional. Sendo que o aumento será retroativo a mês de janeiro. 

Segundo o prefeito municipal Zé Mota desde o inicio de seu governo tem procurado o diálogo com os servidores cumprimos com o nosso dever. Ele citou que  muitas prefeituras do Ceará não conseguem pagar nem o piso nacional. Aqui pagamos acima dele. No ano passado pagamos a metade do 13º salário no meio do ano. E estamos pagando os salários ainda dentro do  respectivo mês.

 


Irauçuba: Pm apreende rojões que eram lançados contra a sede da prefeitura Municipal.

Policiais Militares do destacamento local foram comunicados  pelo prefeito municipal Zé Mota que uns indivíduos estariam soltando rojões  contra a sede do Palácio Verde, sede do governo municipal. O fato se deu  na tarde  de ontem por volta das 14h30, em pleno horário de expediente na prefeitura.

Os fogos partiam da " Churrascaria o Baubino" reduto de membros que fazem oposição ao atual governo, este estabelecimento  localiza-se  em frente a sede do governo municipal. Informações de populares dão conta de que um indivíduo conhecido pela alcunha de " Caboré" soltava os  rojões. Os fogos caíram em cima da prefeitura,  perto do portão principal. Mas  não causaram nenhum dano ao patrimônio público, mas assustou  as pessoas pelo explosão.

Segundo informações prestadas pelo Cabo Clesio a PM ao tomar conhecimento do fato se deslocou até o local da ocorrência, mas não conseguiu identificar quem estaria soltando os rojões. Bem perto do estabelecimento citado   os policiais encontraram os rojões usados. ainda segundo o policial algumas pessoas estavam  tomando bebidas alcoólicas naquele estabelecimento, mas nenhum deles se identificou como autor  dos disparos.

O policial também informou que a Policia Civil já foi avisada e que será aberto um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência) para que o autor(es) do crime seja(m) identificado (s) e punido(s) segundo o Cabo Clesio o próprio Juiz da Comarca local já havia recomendado a PM que prendesse quem soltasse fogos na cidade, perturbado a paz pública.

Atirar fogos contra sede de um governo é  crime, um atentado. Os poderes públicos devem ser respeitados. Os governos são passageiros, mas as instituições são permanentes. Democracia se faz com respeito!!!





sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Operação da PF prende ex-prefeita e gestores.


Cinco pessoas, entre gestores públicos e empresários, tiveram prisão temporária decretada pela Justiça e quatro delas já estão detidas na sede da Superintendência da Polícia Federal em Fortaleza. As prisões foram resultados de uma operação realizada pela PF, em conjunto com a Receita Federal e a Controladoria Geral da União (CGU) em, pelo menos, nove Municípios do Interior. O objetivo da investigação foi o combate a desvio de dinheiro público através de fraudes em licitações.
Entre as quatro pessoas já presas pela PF está a ex-prefeita do Município de Tianguá (335Km de Fortaleza), Natália Félix Frota. Ela e mais três suspeitos foram capturados no começo da manhã em suas residências. A quinta pessoa que teve mandado de prisão temporária decretada ainda está foragida, mas seus advogados se comprometeram a apresentá-la, hoje, na PF.
Sigilo
Os nomes dos investigados estão sendo mantidos em sigilo pelas autoridades. A PF informou que as identidades dos suspeitos seriam preservados neste momento pois o processo tramita sob segredo de Justiça em Fortaleza. No entanto, na noite passada, a Reportagem confirmou a prisão da ex-prefeita de Tianguá. 
Além dos mandados de custódia temporária, a Justiça federal expediu para a operação outras 14 ordens de busca e apreensão, que também foram cumpridas na manhã de ontem. Para a deflagração da operação simultânea na Capital e no Interior, a Superintendência local da PF mobilizou um efetivo de 70 agentes, escrivães, peritos e delegados.
Cidades
Conforme o Diário do Nordeste obteve com exclusividade, a relação dos Municípios que foram ‘alvos’ da operação são os seguintes: Sobral, Tianguá, Ubajara, Granja, Uruoca, Chaval, Irauçuba, Martinópole e Cruz, todos localizados entre a Região Norte do Estado e o litoral Oeste. 
Os desvios de verbas dos cofres públicos teriam causado um prejuízo milionário à Administração Pública. Os suspeitos estão sendo investigados pela prática dos seguintes crimes; falsidade ideológica, falsificação de documentos públicos, peculato, corrupção (ativa e passiva), sonegação fiscal, lavagem de dinheiro, enriquecimento ilícito, além de formação de bando ou quadrilha, conforme a PF. 
As investigações em torno do desvio do dinheiro público vinham sendo realizadas sigilosamente, a partir de levantamentos feitos pelo Ministério Público e pela própria PF. Na fase final antes da operação de ontem, os dois órgãos pediram a colaboração da Receita Federal e da Controladoria Geral da União (CGU) para a análise de provas documentais que pudessem corroborar com o que já havia sido descoberto ao longo da apuração policial. Com base nos indícios e provas levantados, foi, então, solicitados à Justiça os mandados de prisão temporária e de busca e apreensão. A decretação custódia dos envolvidos seria para a complementação da fase de depoimentos, impedir o sumiço de provas, fuga dos implicados ou intimidação às testemunhas. 
Não revelado
Apesar da gravidade do fato, as autoridades não revelaram o montante que teria sido desviado dos cofres das prefeituras.

Fonte: Diário do NE

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Ex-prefeito de Irauçuba Evaldo Bastos é condenado há seis anos de prisão pela Justiça Federal por desvios de recursos públicos.

O Ministério Público Federal (MPF) conseguiu na Justiça a condenação do ex-prefeito de Irauçuba (CE), Antônio Evaldo Gomes Bastos, e do empresário José Sousa dos Santos por crime de desvio de recursos públicos. Os réus foram considerados responsáveis pelo desvio de verba federal repassada ao município para a construção de módulos sanitários.

Através de um convênio firmado, em 2002, com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), a prefeitura recebeu R$ 79.991,39. O dinheiro, juntamente com uma contra partida municipal de R$ 1.950,21, deveria ser aplicado na construção de 73 módulos sanitários para atender moradores carentes do bairro Gil Bastos.

Com os recursos em caixa, a administração municipal contratou a empresa Construtora JS Santos, que tinha como sócio-gerente o empresário José Sousa, para a realização das obras. Apesar da empresa ter recebido todos os recursos que estavam previstos no convênio, não executou o serviço conforme estabelecido contratualmente. Segundo relatório de inspeção da Funasa, mais de R$ 42 mil deixaram de ser aplicados.

O relatório aponta que módulos sanitários foram instalados de forma inadequada. Entre os problemas relatados estão, por exemplo: telhados fora dos parâmetros exigidos no convênio; tampas de reservatórios e fossas que não atendiam as especificações técnicas propostas; ausência de gastos com escavação das fossas, que foram feitas pelos próprios moradores do bairro, mesmo a empresa tendo recebido recurso para o serviço.

A sentença da Justiça Federal, assinada pelo juiz federal Júlio Rodrigues Coelho Neto, da 18ª Vara, estabelece a pena de reclusão de seis anos, em regime fechado, para o ex-prefeito Antônio Evaldo e de quatro anos, em regime aberto, para José Sousa. O empresário, entretanto, obteve a conversão pena restritiva de liberdade em prestação de serviços comunitários por dois anos e doação de vinte cestas básicas a entidade de fim social.

Por se tratar de uma sentença de primeira instância, os réus ainda podem apresentar recursos. Conforme decisão do juiz, eles poderão permanecer em liberdade enquanto recorrem. Ex-prefeito também foi denunciado por irregularidades em convênio com Dnocs.

No último dia 5 de fevereiro, a Procuradoria da República no Município de Sobral - unidade descentralizada do Ministério Público Federal, denunciou o ex-prefeito de Irauçuba, Antônio Evaldo Gomes Bastos, por irregularidades na aplicação de recursos de um convênio firmado, em 2000, com o Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (Dnocs) para a construção de três passagens molhadas.
Uma empresa de fachada - Construtora Riviera Ltda - foi contratada pela gestão de Bastos para a construção das passagens molhadas, recebendo integralmente a verba estipulada no convênio - R$ 119.187,15 - sem ter concluído as obras. Apenas pouco mais da metade (53,96%) dos trabalhos foram executados. Segundo aponta relatório de avaliação da Caixa Econômica Federal, a parte realizada das obras apresentou baixa qualidade e falhas estruturais.

Apesar da não conclusão das passagens molhadas, o ex-prefeito assinou relatório de cumprimento do objeto do convênio e o termo de aceitação definitiva. Em valores atualizados, o prejuízo causado pela conduta de Bastos causou um prejuízo superior a R$ 214 mil. Na denúncia ajuizada contra o réu, o procurado da República Ricardo Magalhães de Mendonça pede a condenação do réus com base no Decreto-lei nº 201/67, que prevê a pena de reclusão, de dois a doze anos, para quem desvia ou se apropria de bens públicos.

Fonte: Portal MPF